domingo, 3 de novembro de 2013

Sentimentos, a nova linguagem


A expansão da consciência não se processa única e exclusivamente através dos recursos da meditação. Existem outras formas. 

Quando a semente de boa qualidade é colocada em um terreno, que também é fértil, rapidamente a planta nasce e cresce, vigorosa, forte e saudável. Isso é algo perfeitamente observável e vocês podem ver com seus próprios olhos o que a sua lógica confirma. Muitas vezes temos sementes de boa qualidade, mas que são colocadas em solo infértil e terão dificuldades de nascer.

Talvez aquelas muito resistentes, muito vigorosas, consigam superar a carência de nutrientes e mesmo com solo infértil e clima inadequado consigam crescer um pouco, mas talvez logo pereçam, destruídas pela falta de água, pelo solo exagerado, pelas condições inóspitas, pelo terreno infértil. Ideal, portanto, é que tenhamos não apenas sementes de boa qualidade, mas também um solo adequado. Quando conseguimos juntar ambas as condições, temos então, as condições perfeitas para que se realize o grande objetivo Divino - a expansão da Vida e da Luminosidade.

Este novo período é um período em que o terreno começa a se tornar mais fértil. As condições mais adequadas e os nutrientes mais interessantes são colocados à disposição de todos, para que aquelas sementes que já estejam adequadamente preparadas para usufruir, assim possam faze-lo. As informações e as mensagens são retiradas daqueles campos mais elevados do astral superior, de dimensões ainda incompreensíveis, e ofertadas a todos. Queridos amigos, não há, portanto, razão que justifique a paralisação do tempo; não há razão para que alguns digam que as dificuldades os impedem de mover-se rumo às novas oportunidades de desenvolvimento de todo o seu potencial.

Todos vocês têm potenciais que ainda não conhecem. Já foi colocado, aqui mesmo nesta sala, que somente uma pequena parcela de seu poder é utilizado, que apenas uma pequena parcela de seu cérebro físico é trabalhada. Imaginem a expansão que seria possível com a utilização de alguns percentuais a mais desse cérebro e desse poder! Há que se desenvolver inúmeros professores, que possam coordenar grupos, cujo objetivo seja o de auxiliar os seus companheiros, irmãos na Luz e irmãos de jornada, a expandir as suas faculdades mentais, as suas faculdades sensoriais e sensitivas, a expandir as suas capacidades de degustar esse grande prazer do cosmos, de todo esse conhecimento que lhes é colocado à disposição.

Nós, que somos os seus amigos das estrelas - como muitas vezes somos chamados - temos também esse objetivo. Não estamos aqui apenas e tão somente para falar-lhes a respeito de alta ciência e de processos de alterações no seu sistema planetário. Estamos também aqui para demovê-los de algumas idéias antiquadas e para talvez auxiliá-los (e essa é a nossa intenção) a ampliar o seu próprio poder e a sua generosidade para consigo próprios. Não trabalhamos única e exclusivamente com a crosta planetária. Trabalhamos com aqueles que aqui habitam. Trabalhamos com os nossos irmãos.

A consciência necessita realmente ser expandida. Existem trabalhos que podem ser feitos para a expansão dessa consciência. Vocês já dispõem de muitas ferramentas. Os Antigos deste planeta já utilizavam, como continuam utilizando até hoje, os recursos da meditação. São recursos através dos quais ocorre uma inegável expansão da consciência. Lembrem-se que muitos dos seus Mestres atuais atingiram esse grau evolutivo a partir dessa técnica. Sabemos, no entanto, que muitos que habitam este hemisfério planetário (lado ocidental) não são familiarizados com ela e têm dificuldades em executar os processos que levam à expansão da consciência através das técnicas meditativas.

Mas a expansão da consciência não se processa única e exclusivamente através dos recursos da meditação. Existem outras formas. Por exemplo, esse curso que ora se inicia, assim chamado por vocês de “Um Curso em Milagres”, trabalhado na mente de nosso Senhor Sananda, serve enormemente à expansão da consciência. Assim, se bem souberem aproveitá-lo, poderão utilizá-lo como que se fora uma forma meditativa. Quando nosso Senhor Sananda trouxe este recurso às mãos dos cérebros ocidentais, sabia o que fazia. Já sabia das dificuldades do cérebro daqueles que habitam, vivem e crescem na cultura (ocidental) desse lado do planeta, em acessar as mesmas formas de evolução mental (do oriente).

Por este motivo trouxe uma outra técnica, que para vocês fosse mais fácil. Do nosso lado o que podemos dizer é que vivenciamos ainda outras técnicas que vocês desconhecem. Nós não precisamos nos comunicar através dos mesmos recursos, ainda materiais, com os quais vocês se comunicam. Nós nos comunicamos com olhares, com gestos, e de uma forma muito mais simples, eu diria, e muito mais direta, onde não há possibilidade de dupla interpretação. A linguagem que vocês têm sempre dá margens a interpretações duvidosas.

É por isso que, muitas vezes, vocês observam canalizações distintas referindo-se a temas idênticos, porém sobre prismas diferenciados. O que ocorre é que de fato ocorre uma dificuldade muito grande em transformar sentimentos, - que é a linguagem utilizada por nós -, em palavras - que ainda é hoje a linguagem utilizada por vocês. À medida que houver evolução natural dos planos terrestres, ocorrerá a maior utilização dos sentimentos como uma forma de linguagem. As sociedades, paulatinamente, vão deixar de acreditar que os sentimentos são apenas e tão somente uma “frivolidade”, sem margem de segurança.

Ao contrário, o que oferece a margem absoluta de segurança, com risco zero, é o sentimento e não a palavra. A palavra pode ser a expressão de algo totalmente contrário ao sentimento daquele ser. Aqueles, que têm a capacidade de perceber o sentimento e não as palavras que estão colocadas à frente do sentimento, conseguem simplesmente “desintegrar” a palavra que é dita, captando apenas o sentimento e recepcionar então, em seu chacra cardíaco, a verdadeira essência daquilo que o ser deseja comunicar com a verdadeira Essência de quem ele É. Nosso trabalho não está ligado unicamente, como já coloquei, a questões meramente técnicas.

Somos seres que sentimos. Somos seres que nos desenvolvemos através do sentimento. Muito da nossa ciência existe a partir do sentimento. A nossa mensagem de hoje é para que procurem desenvolver os sentimentos em vocês. Isso vai auxiliá-los enormemente, não apenas na percepção do outro, (de todos aqueles que estão à volta de vocês, conseguindo separar aqueles que realmente são seus amigos daqueles que não são, aqueles que deveriam estar próximos de vocês daqueles que não deveriam), mas os auxiliará em todos os campos de suas vidas, em seus trabalhos, no seu ganha pão, na forma como encaram a si próprios. Enfim, os auxiliará na expansão rumo ao Pai.

 "Galácticos"




Fonte: http://www.comandometatron.com.br

Postagens populares

O Blog Filosofia Esotérica Brasil é de mesma autoria do Consciência Estelar, vote para melhor blog!

O QUE PROCURA? ACHE POR AQUI!