sexta-feira, 1 de março de 2013

DOIS COMETAS: LEMMON E PANSTARSS, VISÍVEIS AO MESMO TEMPO (COISA RARA)


Primeiramente vamos falar do Cometa Lemmon (C/2012 F6) foi assim denominado por ter sido no último ano como parte do Mount Lemmon Survey (no Arizona). Mais brilhante que o esperado mas ainda abaixo da visibilidade a olho nu, o Cometa Lemmon apresenta uma impressionante coma de coloração verde lima e uma apagada e dividida cauda que aparece muito bem nessa imagem telescópica feita em 4 de Fevereiro. A tonalidade esverdeada vem do gás diatômico C2 da sua coma que é fluorescente na luz do Sol. Registrada de um observatório perto de Sidney, na Austrália a composição colorida acima foi feita a partir de uma série de exposições individuais do cometa. Com um campo de visão de aproximadamente 1 grau de diâmetro, os rastros estelares são uma consequência do movimento relativamente rápido do cometa contra o fundo estelar perto do polo celeste sul. Movendo-se para o norte, o cometa deve crescer em brilho, alcançando um pico de magnitude 3 quando ele estiver mais perto do Sol no final de Março. No começo de Abril ele deve ser visível do hemisfério norte da Terra. 
O esverdeante Cometa Lemmon
Cometa Pan Starrs
 O Cometa Pan-STARRS (C/2011 L4), ansiosamente esperado para se tornar um objeto visível a olho nu no começo de Março de 2013, está agora mais perto do Sol do que o planeta Vênus. O calor solar está vaporizando o núcleo do cometa criando uma vasta cauda em forma de leque visível através de binóculos para observadores no hemisfério sul. Ignacio Bodillo fez a imagem acima desde Buenos Aires, na Argentina.
“Eu vi o Cometa Pan-STARSS um pouco antes do amanhecer na constelação de Grus”, disse Bobillo. “Essa imagem retrata bem o que vi através do meu pequeno telescópio, e a imagem foi gerada com tempos de exposição de 8 x 2”.
Os dois cometas no mesmo campo de visão

Postagens populares

O Blog Filosofia Esotérica Brasil é de mesma autoria do Consciência Estelar, vote para melhor blog!

O QUE PROCURA? ACHE POR AQUI!