segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

RAÇAS E PLANETAS




Formas de vidas Alienígenas

Andrômedas
Estes formam uma raça não física de seres angélicos puramente impressionante, da Galáxia Andrômeda. Eles formam essencialmente a força espiritual dentro do Comando Ashtar e são os guias entre os Plêiades e de todo nosso ramo de evolução humana. Não somente isto, mas eles são a força líder também junto a menor e mais diferente raça do ramo da evolução: Cygnusiana - tranqüila, viçosa, anfíbia como as criaturas vindas de planetas da Constelação Cygnus. Mais uma vez, os seres da Galáxia Andrômeda estão ajudando os seres da nossa própria Via Láctea a crescer; é um exemplo macrocósmico de como a civilização plêiade está ajudando o crescimento de nossa Terra.

Arturianos
 Membros da Confederação dos Humanos. Os Arturianos são uma raça muito espiritualizada que vive em um universo ou realidade de puro amor. Parece haver no planeta deles, um portal de alguma espécie, o qual transmite alta energia ao nosso universo dimensional.

Arianos (Louros)

Humanóides, louros nórdicos, que trabalham com os Greys. Dizem ter sido capturados pelos Reptilianos e também terem implantes. Eles dizem ter uma tendência a mudar a sua lealdade entre os Reptilianos e a Confederação dos Humanos.

Azuis (Guerreiros Estrelares)
Azuis dizem ter pele translúcida, olhos de formas amendoadas e pequena estatura. A grande questão da evolução deles era "perseguir sua paixão", seguindo seu modo próprio, fazer suas próprias coisas, não sendo pressionado por nada, mas sendo o que e quem são. A informação sobre os Azuis vem de Robert Morningsky, um dançarino da tribo apache Hopi. De acordo com Morningsky, os primeiros contactos alienígenas começaram entre 1947 e 1948, com os Greys contactando o governo dos Estados Unidos para firmar um tratado entre eles. Outros alienígenas contactados à época, eram os Azuis. Eles aconselharam o governo norte-americano a não negociar com os Greys, informando que isso poderia levá-los a um desastre. Aconselharam também aos Estados Unidos a seguir o seu próprio caminho. Disseram que ensinariam em paz e harmonia se os homens se desarmassem e os ouvissem. Os militares disseram não ao acordo com os Azuis. Eles então se afastaram, mas aos poucos decidiram permanecer no nordeste do México e do Arizona e fizeram um acordo com os indígenas. Estes alienígenas são conhecidos pelos índios como Guerreiros Estrelares. Os Greys começaram, então, a monitorar os Azuis, que tiveram que fugir da reserva indígena, indo se esconder. Alguns índios idosos foram com eles. A lenda Hopi conta que havia duas raças: "as crianças de pena que vieram dos céus"; e "as crianças dos répteis, que vieram do fundo da Terra". As crianças dos répteis perseguiram os índios Hopi fora da Terra. Estes demônios subterrâneos eram também chamados de "dois corações".


Centaurianos
Estes são do tipo louros nórdicos que vêm de Alpha Centauro. Eles, como os Plêiades, procuram nos ajudar no crescimento espiritual, mas não tomam um papel activo como as outras raças. Os Centaurianos têm mantido contacto com algumas pessoas selecionadas na Terra.

Confederação dos Humanos (Confederação Intergalática)
Esta é a mais freqüente referência à "Confederação Intergalática", liderada pelo Comando Ashtar. Consiste em uma organização de seres espaciais nascidos da energia positiva, que estão a ajudar a raça humana há muito tempo e desejam protege-la. Incluem-se os Vegas, Arturianos, Sirius, Plêiades, Lirianos, DALs e Centaurianos.

DALs
Esta raça de tipo nórdico vem do chamado Universo DAL. Eles são um ramo dos Lirianos. Espiritualmente e tecnologicamente estão de 300 a 1000 anos à frente dos Plêiades. Eles estão a ajudar os Plêiades e nós humanos de maneira muito similar.

Greys (Cinzentos)
Esta é a raça mais comum identificada pela OVNIlogia. São muitos os avistamentos, histórias e teorias referentes a eles, feitas de visionários da Nova Era a diferentes cientistas. Os Greys como são apresentados pela comunidade científica: São muito comumente descritos por suas vítimas de abduções. São considerados uma raça com motivos e propósitos desconhecidos em relação à Terra. Eles parecem estar a abduzir, a estudar, vários indivíduos por motivos não muito claros. Os Greys como são apresentados pelo Movimento da Nova Era: são frequêntemente identificados como demônios ou raça de energia negativa. Eles são frequêntemente relacionados com muitas outras raças, como os Reptilianos e os seus objetivos são desconhecidos. Os Greys são relacionados com diferentes teorias de conspiração - uma mistura de visões científicas e da Nova Era. Uma das teorias afirma que uma ou mais de suas espaçonaves se chocaram e foram capturadas pelo governo dos EUA. O governo americano então fez um acordo secreto com os Greys, permitindo que eles façam abduções de humanos em troca de tecnologia. A teoria da conspiração finaliza, afirmando que os Greys não mantiveram a sua parte no acordo. Estas são as descrições dos diversos tipos de Greys: (são todos Humanóides em aparência, com cabeça, tronco, dois braços, duas pernas e dois pés).

1: Os Greys mais frequêntemente vistos têm em torno de 60 cm a 1,20 m de altura, muito magros, olhar delicado, de baixo peso, olhos negros extremamente penetrantes e inclinados sem pupilas, vestígios de boca e nariz, cabeça muito grande, com queixo pontiagudo. A cor da pele varia do cinza escuro ao cinza claro; do pálido ao branco e pode também ser bronzeado. Não há pelos em seu corpo.

2: Outros também comumente vistos são semelhantes aos descritos anteriormente, exceto nos seus 15, 24 cm de altura, e parecem dar as ordens. Uma variação deste mesmo tipo descrito são os olhos negros arredondados como grandes botões negros.

3: Mais um tipo de Greys: são como pequenos robôs, atarracados e pequenos, com um liso e redondo capacete, com negros e profundos olhos, com o contorno da boca arredondado, tronco quadrado mostrando círculos concêntricos, cheiram como cabeça de fósforo queimada, e a pele tem a coloração cinza cogumelo. Este Greys agem como guardas de segurança. Outras variações são descritas como Reptilianos com garras parecidas com os insetos louva-a-deus. Há também relatos de crias de cruzamento que não têm as formas exatamente como humanos ou como Greys.

Lirianos
Esta é a mais antiga das raças, da qual emergiram nosso ramo da raça humana e os Humanóides, incluindo os tipos nórdicos, os Orions, e mesmo os Greys. Totalmente guerreira no início de sua civilização, a raça liriana evoluiu e é agora espiritualmente e tecnologicamente muito evoluída, chegando ao nível dos Plêiades.

Império de Orion (Forças de Orion)
Os "Orions" são formados por duas raças opostas. O "Conselho de Luz" era uma delas, baseada no sistema estrelas de Betelgeuse; e os igualmente poderosos demônios Orions, baseados no sistema estrelar de Rigel. Os Orions tomaram muitos dos planetas de nossa galáxia de raças de menor espiritualidade, mas sempre foram confrontados pela Confederação Intergalática. A parte conquistada do Império Orion foi derrotada há 200 mil anos, pela Confederação Intergalática, mas os Orions não haviam ameaçado a Terra até então. Eles estão no momento a se preparar para alçar "a quarta dimensão". De facto, algumas pessoas da Terra são Orions reencarnados que estão aqui integrando com sua negatividade e assim permitir a ambos os mundos a ascensão.

Plêiades
Os Plêiades são uma coletividade de extraterrestres do sistema estrelar Plêiade. A cultura plêiade é antiga e parece vir de outro universo de amor, muito antes da Terra haver sido criada. Eles formam uma sociedade maravilhosa a qual vive em amor, com idéias e ideais que ainda não nos são familiares. Os Plêiades começaram um projecto de contactar e inspirar os humanos terrestres a tomar de volta a sua força interior e criar uma realidade melhor para eles mesmos. Eles estão aqui como embaixadores de outro universo para ajudar a Terra na sua transição da terceira dimensão à quinta dimensão e assistir a cada um de nós em nosso esforço pessoal de conscientização e conhecimento interior. Como o seu projecto tem sido muito bem sucedido, muitos ETs têm se juntado ao grupo, alguns de outros sistemas estrelares. Assim, o grupo recentemente trocou o nome de Plêiades para Plêiades Plus. Os Plêiades dizem que as suas razões para nos contactar é que aqui há a posibilidade de vir a ser uma tirania no futuro e eles estão voltando a inspirar-nos o tanto como for possível, para mudarmos as nossa própria realidade e o futuro. Ele ensinam a forma de energização metafísica pessoal e social, com amor e de forma clara. Os Plêiades falam como uma coletividade e não como indivíduos. Eles não aparecem sob a forma física, mas podem, se o quiserem. Eles acham seguro enviar as suas mensagens através da canalização, e não atrair muito a atenção.


Sirius
Membros da Confederação dos Humanos. Eles são uma raça hipotética, aquática, algo como uma versão de golfinhos e baleias. Eles dizem viver numa consciência crística e estão no sistema solar muitos ligados a nossas maneiras físicas. Eles também exercem um papel na ajuda à Terra, mas fazem isto de forma sutil, em nossos oceanos.

Reptilianos
A raça reptiliana de Draco, um planeta conquistado. Eles também dizem ser a mente mestre dos planos de abduções. O seu plano mestre consta do uso de uma recém-criada "meia-criatura" com implantes para derrotar a Confederação dos Humanos. Os Reptilianos também usam os humanos como alimento.

Vega
Membros da Confederação dos Humanos.

OS PEGASIANOS
CARACTERÍSTICAS ESPECIAIS
Nome: Nação Estelar Pégasus

Aceito na Federação Galáctica: há 3.78 milhões de anos atrás (originalmente constituíam uma série de colônias especialmente fundadas pela Câmara de Governantes de Sírius, há 4 milhões de anos atrás).

Localização: A Constelação de Pégasus é um vasto conglomerado de mais de 1000 estrelas, localizada entre as constelações de Cygnus e Aquarius.

Distância da Terra: Entre 200 a 3000 anos luz.

Tipo de Forma de Vida: Há três tipos predominantes de humanos localizados nesta Liga Estelar. O primeiro tipo se assemelha fortemente ao humano de Sírius quanto a altura e aparência, e se inclui os mesmos tipos de cor de pele, ou seja branca e azul. O segundo tipo é um humano mais magro, com uma pele-vermelha ou laranja. O tipo final é de formação híbrida entre Dinóide e a segunda raça Humanóide.

Aspecto Físico: O primeiro tipo se assemelha ao colono humanóide original de Sírius B: os homens possuem um físico musculoso perfeitamente formado já em corpos infantis, têm de 1.98 a2.24 metros de altura, com cabelo loiro a castanho claro e olhos azuis claro a verde, e as mulheres têm uma aparência extremamente voluptuosa e alcançam de 1,88 metros a 2.03 metros de altura. Eles têm uma pele extremamente branca ou ligeiramente azul.

O segundo tipo humanóide se assemelha ligeiramente ao primeiro quanto a altura e/ou tipos de corpo, salvo por duas diferenças maiores. Primeiro, a pele, como assim também o cabelo, é de um vermelho suave ou um laranja escuro. Segundo, os olhos são de uma aparência mais felina e a íris é vermelha ou azul escura. Este grupo chegou originalmente de uma das estrelas mais distantes da constelação de Lyra.

O terceiro tipo híbrido tem um tipo de pele escamosa com olhos mais pronunciados na forma felina, ou seja, vermelhos, marrons ou amarelo claro. O corpo, as pernas, pescoço e braços são mais musculosos que os de um humano e têm uma série de protuberâncias ao longo desses membros. Cada mão e pé termina em quatro dedos magros, com uma pequena garra ao final. Os machos são de uma altura de 2.13 a2.44 metros, enquanto que as fêmeas são de 2.08 a2.31 metros de altura.

Características Especiais e Habilidades: Os seres de Pégasus são conhecidos por suas habilidades como inovadores, cientistas e diplomatas.

Quantidade de Sono Médio Requerido: uma hora e meia a três horas, dependendo das espécies.

Linguagem: Há dois tipos de linguagem: uma bastante harmoniosa e outra mais gutural e rouca.

Nave-mãe e outras naves: Há três tipos de naves que operam na Terra ou perto dela. O primeiro tipo é uma nave de defesa que se parece com um triângulo eqüilátero arredondado. Cada um de seus flancos mede aproximadamente 2.56 metros de comprimento. O segundo tipo é uma nave investigadora, de forma oblonga com um diâmetro médio de 25.9 metros. A terceira nave é uma nave de comando atmosférico, de aproximadamente 402 metros de comprimento.

NAÇÃO ESTELAR DE CENTAURUS 
DETALHES ADICIONAIS:

A Grande União Estelar de Centaurus. 

Aceito na Federação Galáctica há: 1,1 milhões de anos atrás.

Localização: A Constelação de Centaurus se acha localizada entre as constelações de Lupus e Vela. É mais conhecido por sua estrela mais brilhante, o sistema estelar triplo de Alpha Centauri (também conhecido como Rigel Kentaurus). Uma de suas estrelas triplas, a Proximi Ceuntauri, é a mais próxima conhecida da Terra.

Distância da Terra: 4,3 anos luz.

Tipo de Forma de Vida: Uma espécie humanóide e outra reptóide.

Aspecto Físico: O Centauriano humanóide se assemelha muito aos humanos que se encontram hoje na Terra. O macho é muito musculoso e bem proporcionado, com cabelo loiro, castanho, negro ou vermelho. Os olhos são de forma ligeiramente asiática e de cor marrom, negro, azul, verde ou cor amendoada. Na altura os machos variam desde 1.8 a2.4 metros. A cor de sua pele pode variar entre o marrom escuro a uma cor branca ligeiramente bronzeada. A fêmea também é bem proporcionada, mas menos musculosa, e chega a uma altura de 1.65 a2.1 metros.

Centauriano reptóide tem um corpo muito musculoso, escamoso, similar ao lagarto. A cor de sua pele encontra-se entre o verde e azul, ou vermelho e verde. As mãos são mais estreitas que as de um humano e contêm seis dedos que terminam em uma garra curvada afiada como navalha. Os olhos são arredondados e protuberantes, com a ranhura vertical e de uma cor vermelha brilhante ou dourada. Não há cauda, mas os pés têm cinco dedos largos terminando na mesma garra curvada. A fêmea, de menos de 2,4 metros, é ligeiramente mais alta.

Traços Especiais e Habilidades: Os Centaurianos são conhecidos por suas habilidades de grandes estrategistas e Conselheiros de Relações da Federação. Eles se destacam por reunir grupos de diversos seres sencientes e por atingir suas metas de uma maneira muito pacífica e harmoniosa.

Horas de sono: 2 a 4 horas.

Linguagem: A linguagem humanóide é bastante gutural como o alemão, mas de tonalidade parecida ao chinês.

A linguagem reptóide é extremamente gutural e cheias de sons que são difíceis de reproduzir pela maioria dos humanos.

Nave-Mãe e Outras Naves: Os Centaurianos têm dois tipos de naves visíveis nos céus da Terra. A primeira nave é uma nave-exploradora para muitos fins. Tem a forma de sino, com uma grande asa circular em sua parte inferior. Tem 14 metros de diâmetro e perto de 9,1 metros de altura. A segunda é uma nave-comando, em forma de charuto, com uma pequena protuberância em seu meio, com um comprimento de mais de 60 metros.


NAÇÃO ESTELAR DE BELLATRIX 
DETALHES ADICIONAIS

Bellatricianos

Nome: Nação Estelar Bellatrix. Membro anterior da Liga de Órion e das Centrais deste setor da antiga Aliança.

Aceito na Federação Galáctica: Há mais de 3 anos.

Localização: Uma das estrelas mais brilhantes na Constelação de Órion; é a estrela brilhante justo à direita e acima do Cinturão de Órion.

Distância da Terra: 112.5 Anos Luz.

Formas de vida: A espécie principal é um híbrido Dinóide-Reptóide. Imigraram da Constelação de Sagitário há 25 milhões de anos atrás.

Aspecto Físico: Muito escamoso e ossudo. A parte superior da cabeça está rodeada por uma grande crista ossuda. Grandes olhos vermelhos e amarelo opaco (que se assemelham aos dos répteis da Terra) que estão localizados acima de um nariz muito pequeno. A boca tem lábios finos que vão de um lado da cabeça ao outro. Os ouvidos não existem: o único sinal deles é um pequeno círculo de cada lado da cabeça e justo detrás dos olhos. A pele é escamosa como a de um crocodilo, e é de cor verde, amarela, marrom e vermelho. Uma pequena crista ossuda corre pelo meio das costas e se conecta com a crista mais larga sobre a cabeça.

Este ser é bípede. Mãos largas com seis dedos largos em forma de garras. Os pés têm cinco dedos terminando em pequenas garras muito afiadas. Uma pequena cauda, como a de um crocodilo que chega até os pés. O macho é mais baixo que a fêmea. O macho chega a 2.44 a3 metros e as fêmeas a 2.6 a 3.12 de altura.

Características Especiais e Habilidades: São notáveis por suas grandes habilidades diplomáticas e de liderança. Nos últimos seis milhões de anos estão a cargo de todas as antigas forças da Aliança neste setor da Galáxia da Via Láctea.

Sono: 5 a 8 horas.

Linguagem: Muito rouco e gutural; cheio de profundos sons de grunhido e sibilos.

Naves-mães e outras Naves: Naves exploradoras com a forma de gotas e escaravelhos, que variam entre 30,5 a122 metros de comprimento. As naves-mãe alcançam de 1.6 a6.40 quilômetros de comprimento e se parecem com grandes batráquios.


NAÇÃO ESTELAR DE FORMAHAULT 
DETALHES ADICIONAIS:

A Confederação de Formalhaut foi aceita na Federação Galáctica há uns três anos atrás, sendo uma nação estelar neutra.

Localização: A estrelas mais brilhante na constelação de Piscus Austrinues (o peixe austral). Piscus Austrinus se encontra entre as constelações de Aquário e Grus.

Distância da Terra: cerca de 23 anos luz da Terra.

Tipo da Forma de Vida: Dois tipos de seres. Primeiro, um grupo de humanos rebeldes das Plêiades foram os que colonizaram Formalhaut há 250.000 anos atrás, e se encontram agora no terceiro e quarto planeta deste sistema estelar. Segundo, um grupo menor, dinóide-reptóide de Bellatrix, Orión, que colonizou o segundo planeta deste sistema solar há uns duzentos mil anos atrás. Os dois partidos criaram esta Confederação depois de uma série de guerras muito destrutivas que finalizaram há 20,000 anos atrás.

Aspecto Físico: O primeiro tipo de humanos de Formalhaut se parece muito ao tipo “nórdico” de ET’s, e geralmente são loiros com olhos muito azuis, cor avelã ou cinza escuro. Os homens são musculosos e medem cerca de 1,85 metros. As mulheres são gordinhas, com uma altura de 1.68 a 1.83 . O segundo tipo é de pele escura que quase parece bronzeada, com cabelo escuro e olhos marrons, cinzas ou negros. A mesma relação de altura e aparência que o primeiro tipo similar ao chamado “nórdico”.

Os habitantes Dinóides-Reptóides da Confederação são um híbrido original da estrela Bellatrix, de Orion.

Muito escamosos e ossudos. A parte superior da cabeça está rodeada por uma grande crista ossuda. Seus olhos vermelhos ou amarelo opaco (similares aos dos répteis terrestres) são grandes e se localizam justamente por cima e a cada lado de um nariz muito pequeno. Bocas de finos lábios que se estendem de um lado da cabeça ao outro. As orelhas são inexistentes: o único sinal deles é um círculo extra suave de  cada lado da cabeça e justo detrás dos olhos. A pele é escamosa como a de um crocodilo e de uma cor verde, amarelo, marrom ou vermelho. Uma pequena crista de um material ossudo corre pelo meio das costas e se conecta com a crista maior na parte superior da cabeça.

O ser é bípede. Mãos magras com seis dedos largos e em forma de garra. Os pés têm cinco dedos terminando em pequenas garras muito afiadas. Cauda muito pequena, grossa como a de um crocodilo, que se estende somente até os pés. O macho é mais baixo que a fêmea. Os machos Bellatricianos de Formalhaut tem uma altura de 2.44 a 3 metros: as fêmeas são de uma altura de 2.6 a3.12 metros.

Traços Especiais e Habilidades: Reconhecidos por suas façanhas em todos os trabalhos de natureza cientifica. Eles agora compõem uma grande parte do pessoal da primeira Equipe principal de Ciência e Exploração enviado a Andrômeda (a uns dois milhões de anos luz desde nossa galáxia).

Sono Requerido: 2 a 6 horas diárias.

Linguagem: A linguagem humana é lírica, mas gutural. A linguagem Dinoide-Reptoide é muito mais gutural.

Nave-Mãe e Outras Naves: As naves de exploração desses humanos são ovóides. Alcançam de 28.3 a26 metros de diâmetro. As naves-mãe têm o aspecto como de enormes charutos de múltiplas camadas e alcançam um diâmetro de 3.2 a1,920 quilômetros.

As naves de exploração Dinóides-Reptóides têm uma forma de enormes escaravelhos, aproximadamente de um diâmetro de 30,5 metros. Suas naves-mãe têm a forma de uma ameba e têm um diâmetro de 13 a14,400 quilômetros).

NAÇÃO ESTELAR DE TAU CETI 
DETALHES ADICIONAIS

Membro da Federação Galáctica.

Nome do membro: Nação Estelar de Tau Ceti.

Aceito na Federação Galáctica: Há quase 2.5 milhões de anos. Os habitantes originais são mamíferos similares aos ursos e permitiram que uma colônia humana da Constelação de Hércules se estabelecesse no quarto planeta de seu sistema, há 2.4 milhões de anos atrás.

Localização: Estrela mais próxima à Terra na Constelação da Baleia.

Distância da Terra: Aproximadamente 11.8 anos luz.

Tipo de Forma de Vida: Os habitantes sencientes são humanóides galácticos semelhantes a um urso. (NC: lembra-me o "Chubbaka" da série Guerra nas Estrelas)

Aspecto Físico: Esses humanóides galácticos se parecem muito aos humanos da Constelação de Hércules. Três cores de pele predominantes: marrom (incluindo um tom acobreado), vermelho e verde (claro e escuro). Os humanos de pele marrom têm um cabelo marrom claro a acobreado, ou cabelo negro a vermelho-alaranjado. Os olhos ficam entre verdes e azuis e marrons ou cinzas. Os machos são muito bem proporcionados e de 2.13 a2.59 metros de altura. As mulheres chegam a uma altura de 1.98 a2.40 metros.

Os humanos de pele verde têm cabelo verde claro a loiro ou cabelo castanho com verde, olhos avelã ou azul resistente, e têm a mesma altura relativa que os humanos de pele marrom. Os humanos de pele-vermelha têm cabelo vermelho, laranja ou loiro com vermelho, olhos marrom ou azul escuro, e também são da mesma altura que os outros dois tipos descritos. Em todos os casos as mulheres são bastante gordinhas.

Os mamíferos com forma de urso de Tau Ceti são seres enormes, lanosos, com pequenas caudas lanosas e corpos cobertos por uma pele marrom, negra ou clara. As cabeças na forma dos ursos, mas com um focinho menor. Os dentes se assemelham aos de um humano galáctico em lugar dos do urso terrestre. Os olhos estão situados na frente do rosto e como os dos humanos, são marrons, azuis ou negros. As orelhas, dos flancos da cabeça, justo por cima dos olhos, assemelham-se aos dos ursos terrestres. São seres altamente sencientes que caminham sobre duas pernas, e por conseguinte têm um centro de gravidade mais acentuado que o dos ursos na Terra. Dois braços musculosos com mãos cujos dedos terminam em garras. Pernas igualmente muito musculosas que terminam em pés muito curtos com cinco dedos muito gordinhos. Alcançam uma altura de 2.74 a3.66 metros.

Características Especiais e Habilidades: Reconhecidos por suas habilidades para desenhar algumas das naves mais avançadas do grupo da Frota Exploradora da Federação Galáctica. Também são considerados como os melhores pilotos e navegantes na galáxia.

Hábitos de sono: Ambas as espécies precisam somente de 1 a 2 horas por dia.

Linguagem: A linguagem é muito gutural, como o alemão ou árabe. A linguagem dos que se parecem com ursos é similar, mas mais profunda e mais gutural.

Nave-Mãe e Outras Naves: As naves exploradoras são naves de plasma, enormes e em forma de diamante, de um comprimento entre 61 a76.2 metros. As naves-mãe são geralmente as naves de comando. Elas têm a aparência de uma série de células sangüíneas em camadas múltiplas, e possuem cerca de 6 a7 quilômetros de diâmetro.


MINTAKA - UMA NAÇÃO ESTELAR
DETALHES ADICIONAIS

Nome: Nação Estelar Mintaka (anteriormente ela fazia parte da Liga de Órion).

Aceito na Federação Galáctica: Há 4 anos

Localização: Uma das três famosas estrelas brilhantes no famoso Cinturão de Órion (As outras duas são AlNitak e AlNilam)

Distância da Terra: 233 Anos Luz.

Tipo de Forma de Vida: Predomina a espécie Anfíbia; há uns poucos Reptóides e híbridos Dinóides que vivem entre eles.

Aspecto Físico: Em muitas formas os Mintakanos se parece com as rãs e os sapos da Terra. Entretanto há algumas diferenças maiores. São de estatura bípede. Sua pele é suave e sem cabelos, sendo notáveis por suas cores iridescentes, que variam do vermelho brilhante, laranja e verde, ao amarelo e marrom.
Ao contrário dos anfíbios da Terra, seus olhos não são protuberantes, e sim, bastante grandes, ‘envolventes’ e de um vermelho brilhante, laranja ou de cor verde amarelada. O nariz consiste de duas pequenas ranhuras sobre um par de lábios muito finos. A boca, quando está aberta, é muito grande e bastante similar à do sapo. Os ouvidos são dois pequenos círculos redondos de cada lado da cabeça.
A cabeça é grande e aparentemente desproporcional ao resto do corpo, enquanto que a nuca parece ser inexistente. O corpo, braços e pernas são muito musculosos. Os dedos do pé e das mãos são largos, magros, e em um número de quatro: os dedos do pé têm pequenas garras.


Os machos, levemente menores que as fêmeas, medem entre 2,13 a2,44 metros de altura. As fêmeas ligeiramente maiores, atingem de 2,29 a2,59 metros de altura. Os Mintakanos também são notáveis por uma série de três pequenas protuberâncias, magras e interconectadas que correm por suas costas e terminam na ponta de suas cabeças.
Características Especiais e Habilidades: São notáveis por sua grande perícia em psicologia, como  também em métodos de manipulação da mente. Têm um grande conhecimento científico e vastas livrarias de sabedoria interna que datam de mais de 15 milhões de anos.

Arcturianos

Os Arcturianos são uma das civilizações mais adiantadas de toda nossa galáxia. Arcturus é uma supergigante estrela vermelha na constelação Bootes, e a estrela mais brilhante daquela constelação, distando 36 anos-luz da Terra. É visível do Hemisfério Norte de Março a Novembro. Estrelas supergigantes vermelhas são precursoras das super-novas, estrelas de neutrons, e buracos negros. Edgar Cayce disse em seus ensinamentos que Arcturus é uma das mais avançadas nesta galáxia. É uma civilização de quinta dimensão que é o protótipo do futuro da Terra. Sua energia funciona como terapia tanto emocional, mental, como espiritual para a humanidade. É também um portal de energia pelo qual humanos passam durante a morte e renascimento. Ele funciona como uma estação onde consciências não físicas se acostumam à fisicalidade. O Livro do Conhecimento: As Chaves de Enoch descreve este portal como um centro de programação intermediário, usado pela fraternidade física deste universo para governar os vários tipos de experiências com "físicos" neste fim de galáxia.


Bênçãos, Luz, PAX,
"In Lake'ch"
("Eu Sou o Outro Você")
- idioma maia -
Marilena Maçol Costa
FONTE: http://aluisionestelar.ning.com/

Postagens populares

O Blog Filosofia Esotérica Brasil é de mesma autoria do Consciência Estelar, vote para melhor blog!

O QUE PROCURA? ACHE POR AQUI!